Betogil.com »» Não há luar   

Versão para impressão

Luis Costa Pires - João Frazão / Beto Gil   

 
Não há luar
 
Não há luar e o vento vem
Como a saudade do teu olhar
Ninguém me dá
O que o teu cheiro tem
Saber o mal, saber o bem

Eu queria rumar
sempre pra sul
O teu gravado no céu azul
São as minhas mãos que procuram por ti
Tu és o sonho
que me prende aqui

Não é o mundo que me destrói
É a tua ausência que me dói
Ando pelas ruas
como um bom pastor
Quero encontrar-te
seja onde for

Refrão

 

Voltar

2005-2018 Beto Gil.com - Todos os direitos reservados.

Desenhado para IE 5.x - Resolução mínima aconselhada: 800x600.

webmaster