Betogil.com »» De sombra e sol   

Versão para impressão

Flávio Venturini - Flávio Venturini   

 
De sombra e sol
 
Olha o céu
Pede p’ra chover e a gente se molhar
E depois seja bem-vindo o sol

Nunca mais
Venhas mendigar uma canção de amor
Nem o amor vai tirar a paz

Abro os meus olhos devagar
Sinto seu perfume me invadir
Olho para ti e vejo o céu
Quando o nosso lábio se tocar
Vais ouvir no rádio alguém cantar
É sobre nós dois essa canção

Olha o céu
Pede que o amor à vida dê razão
De viver a destilar o mel

Olha o céu
Tudo que sonhares vai-se tornar real
Nos caminhos de sombra e sol

Abro os meus olhos devagar
Sinto teu perfume me invadir
Olho para ti e vejo o céu
Quando se espalhar na plantação
Olhos que são fonte são calor
Verdes que são meus do meu amor


Se viver for pisar o chão
Celebrar o nascer do sol
Celebrar quando o sol se põe
E a noite vem

Solo

Quando nosso lábio se tocar…

Se viver for pisar o chão
Celebrar o nascer do sol
Celebrar quando o sol se põe
E a noite vem

Se viver for pisar o chão
Celebrar o nascer do sol
Festejar quando a chuva cai
E traz o sol…

 

Voltar

2005-2017 Beto Gil.com - Todos os direitos reservados.

Desenhado para IE 5.x - Resolução mínima aconselhada: 800x600.

webmaster